A SABEDORIA RIMADA

A palavra morre à míngua,

Para quem não freia a língua.

 

 

 

A satisfação maior que encontro no meu dia

É quando consigo proporcionar mais alegria.

 

 

A ira só leva a uma premissa,

O homem não opera a justiça.

 

 

 

A humildade não fica por perto,

De quem se julga o único certo.

 

A SABEDORIA RIMADA

A verdadeira fé é um atestado,

Quem não a tem vive em pecado.

 

 

 

Aquele que corrige, ama de fato,

O que censura é um insensato.

 

 

 

A boca do insensato,

Encobre a verdade do fato.

 

 

 

Aquele que se preocupa por uma penhora,

Já sofre dobrado bem antes da hora.

A SABEDORIA RIMADA

A carga do amigo deverá ajudar a levantá-la,

Mas jamais será obrigado a carregá-la.

 

 

 

Ajustar-me ao mundo seria o fim,

Tenho antes que ajustar-me a mim.

 

 

 

Aquele que mais persevera,

Sempre ganha o que espera.

 

 

 

Antipatia demais sempre causa suspeita,

Secretamente se ama o que às claras rejeita.

A SABEDORIA RIMADA

A fé é sempre aperfeiçoada,

Quando a obra é realizada.

 

 

 

 

 

Até louco passa por sábio,

Quando se cala fechando o lábio.

 

 

 

 

Às vezes passamos a vida aprendendo a viver,

E na hora da morte nem sabemos morrer.

 

 

 

 

 

A cicatriz tem o caráter informal,

De sempre lembrar um fato real.

A SABEDORIA RIMADA

As decisões são verdadeiras artes,

Quando se ouve as duas partes.

 

 

 

A maledicência é o primeiro meio

A nos mostrar o defeito alheio.

 

 

 

Quando a ira nos impele a gritar,

A paciência nos convida a calar.

 

 

 

A paixão de um velho é como um vulcão,

Mas faz tempo que não entra em erupção.

 

 

 

 

A SABEDORIA RIMADA

As flores servem até quando se estragam,

Perfumam as mãos dos que as esmagam.

 

 

 

 

A fé com obra é a porta,

Pois aquela sem esta é morta.

 

 

 

 

 

Ela entrou na minha vida por acaso,

E graças a Deus esqueceu o prazo.

 

 

 

 

 

A resposta quando é muito interessante,

Evita a pergunta do próximo instante.

A SABEDORIA RIMADA

A censura merece tratamento singular,

Evite o contato público pelo particular.

 

 

 

 

 

 

A crença na bênção só se revela,

Quando antecipamos a gratidão por ela.

 

 

 

 

 

 

A chatice é muito fácil de se explicar,

É quando a gente fala e o outro não quer calar.

 

 

 

 

 

A confiança não se encontra em qualquer lugar,

Quando se perde é mais difícil de reencontrar.

A SABEDORIA RIMADA

A verdadeira dádiva de uma oração,

Está no poder de gratidão.

 

 

 

 

 

 

Ao orgulho sempre me nego,

Pois ele me torna cego.

 

 

 

 

 

 

A verdade nem sempre se mostra clara,

Mas a mentira está sempre na cara.

 

 

 

 

 

A palavra de Deus nos ensina,

A felicidade é herança divina.

A SABEDORIA RIMADA

A língua do sábio é medicina,

Quanto mais fala, mais ensina.

 

 

 

 

 

 

A educação como despesa não faz sentido,

Pois ela é um investimento garantido.

 

 

 

 

 

 

Às vezes o desejo só bate à porta,

Depois que a esperança está morta.

 

 

 

 

 

 

A alma já tem todo conhecimento,

Por isso ela só busca o sentimento.

A SABEDORIA RIMADA

A esperança que se adia,

Enfraquece a cada dia.

 

 

 

 

 

 

A língua é um membro interno,

Que faz da vida um inferno.

 

 

 

 

 

 

As coisas do mundo não têm sentido,

Porque esse mundo está corrompido.

 

 

 

 

 

 

A imaginação não conhece fronteira,

Vamos de um best seller à besteira.