FLAMENGO GOLEIA PALESTINO NO CHILE PELA SUL- AMERICANA: 5 X 2

 

 

 

 

 

 

 

 

Rever abriu o marcador para o Fla no primeiro minuto do segundo tempo.

O Flamengo deu um grande passo para garantir a classificação às oitavas de final da Copa Sul-Americana. Em partida disputada na noite desta quarta-feira, no estádio La Cisterna, em Santiago, a equipe rubro-negra derrotou o Palestino por 5 a 2 e abriu grande vantagem. No jogo da volta, marcado para o dia 9 de agosto,na Ilha do Urubu, o time da Gávea pode perder por até três gols de diferença, desde que o Palestino não marque seis gols. A repetição do placar, a favor do time chileno, levará a decisão da vaga para a disputa de pênaltis.

Apesar de poupar titulares como Diego e Guerrero, o Flamengo foi sempre melhor do que o adversário. Após um primeiro tempo monótono e sem gols, os dois times partiram para o ataque na etapa final e o rubro-negro carioca soube usar a qualidade da sua equipe para construir uma vitória confortável. Réver, Berrio, Leandro Damião, Rafael Vaz e Everton Ribeiro marcaram os gols da equipe brasileira, enquanto Romo e Vidal anotaram para a equipe da casa.

O jogo

Diante de um público muito pequeno, o Flamengo começou a partida mostrando disposição. E, no primeiro minuto, Everton Ribeiro tentou a jogada individual e caiu na área pedindo pênalti, mas o árbitro nada viu de irregular no lance. Mesmo jogando em casa, o Palestino encontrava dificuldade para se livrar da pressão da equipe rubro-negra que marcava a saída de bola do adversário. Só aos cinco minutos é que o Palestino armou a primeira jogada de ataque. Que terminou com um chute torto de Gutiérrez, sem levar qualquer perigo para Thiago.

Aos nove minutos, Leandro Damião teve a chance de cabecear para o gol, mas mandou a bola nas mãos de Dario Melo. Aos 15 minutos, Everton Ribeiro tentou lançar Leandro Damião pelo alto, mas o atacante não alcançou a bola e Dario Melo teve dificuldade para mandar para escanteio.

O Palestino pouco aparecia no ataque. Só aos 18 minutos é que o goleiro Thiago foi exigido ao sair para cortar um cruzamento de Cereceda. Logo depois, o Flamengo teve uma boa chance para marcar. Berrio descobriu Leandro Damião na área e fez o passe, mas a zaga chilena conseguiu bloquear a conclusão do atacante.

O time brasileiro tinha o controle absoluto da partida, mas encontrava dificuldade para definir os lances de área, principalmente por causa da fraca atuação de Leandro Damião que não conseguia aproveitar as bolas que recebia. Depois dos 30 minutos, o ritmo do jogo caiu muito. Os dois times erravam muitos passes e não conseguiam se aproximar da área em condições de concluir.

Aos 36 minutos, o Palestino teve a sua melhor chance. Everton Ribeiro perdeu a bola na intermediária para Torres que lançou Gutiérrez que chutou com muito perigo para o gol defendido por Thiago. O Flamengo respondeu com pressão na área do Palestino. Após três cruzamentos não aproveitados, a bola sobrou para Leandro Damião que tentou a bicicleta, mas mandou para bem longe. Aos 44 minutos, Réver quase complicou a situação ao atrasar mal, mas o goleiro Thiago conseguiu aliviar a situação, chutando para a lateral.

Gols

Mal o segundo tempo começou, o Flamengo marcou o primeiro gol. Everton bateu escanteio, a zaga chilena falhou e Réver, de canela, escorou para as redes.

A vantagem do time carioca não demorou muito. Aos quatro minutos, o Palestino marcou o gol do empate. Após levantamento na área, Rafael Vaz rebateu e Romo pegou, de primeira, e bateu sem chances de defesa para Thiago. Surpreendido com o empate, o Flamengo partiu para buscar o segundo gol. Aos oito minutos, Everton chutou forte, a bola desviou na zaga e saiu. Na cobrança de escanteio, Berrio cabeceou com muito perigo. Aos 11 minutos, o time chileno desempatou. Arario cruzou da esquerda, Réver e Rafael Vaz falharam ao tentar cortar, e a bola sobrou para o zagueiro Vidal que tocou na saída de Thiago.

O Flamengo não se abalou e logo chegou ao empate, aos 14 minutos, através de Berrio. Após cruzamento de Everton, Leandro Damião trombou com a zaga, e a bola sobrou para Berrio que só empurrou para deixar tudo igual no marcador. Um minuto depois, o time rubro-negro marcou o terceiro gol. Everton investiu pela esquerda e cruzou. Leandro Damião, com muito estilo, desviou para o gol.

Novamente em desvantagem, o Palestino partiu para buscar, mais uma vez, o empate. Aos 22 minutos, Carmona chutou forte e Thiago espalmou para escanteio. Logo depois, Vidal cabeceou livre e mandou para fora quando tinha tudo para empatar.

O Flamengo passou a administrar o resultado, enquanto o Palestino juntava forças para tentar marcar o terceiro gol, mas esbarrava na limitação dos seus atacantes. Aos 36 minutos, o Flamengo ampliou. Everton bateu escanteio, Damião desviou e Rafael Vaz cabeceou para marcar. Foi o primeiro gol do ex-zagueiro do Vasco com a camisa rubro-negra. O Flamengo seguiu atacando e marcou o quinto gol aos 43 minutos, através de Everton Ribeiro, batendo pênalti que ele mesmo sofreu, definindo o placar.

PALESTINO 2 X 5 FLAMENGO

PALESTINO

Darío Melo, Romo(Rosende), Toro, Vidal e Diego Torres: Cereceda; Diego Gutiérrez, Fernández e Alan Arario(Tapia); Pinto(Carmona) e Gutiérrez

Técnico: Germán Cavallieri

FLAMENGO

Thiago, Rodinei, Réver, Rafael Vaz e Renê; Cuéllar, Willian Arão(Romulo), Éverton Ribeiro e Everton; Berrío(Mancuello) e Leandro Damião (Felipe Vizeu)

Técnico: Zé Ricardo

Local: Estádio La Cisterna, em Santiago (Chile)

Data: 5 de julho de 2017 (Quarta-feira)

Árbitro: Fernando Rapallini (Argentina)

Assistentes: Ezequiel Brailovsky (Argentina) e Iván Núñez (Argentina)

Cartão Amarelo: Diego Torres (Palestino)

GOLS: Réver, 1min, Romo, 4, Vidal, 11, Berrio, aos 14, Leandro Damião, 15, Rafael Vaz, 36, e Everton Ribeiro, aos 43min do 2ºT