VAI VOLTAR, OU NÃO?

 volta-pra-casa

Em mim um eterno vazio,

Queima o sol, mas sinto o frio.

O sentimento mais emotivo,

Tão breve perdeu o motivo.

 

Por um motivo tão fútil,

Virei um objeto inútil.

O castigo é minha dor,

Na ausência do teu amor.

 

Quisera merecer

A ventura de responder

Essa minha indagação.

 

Pelo pranto que derramei,

Pelo muito que te amei,

Vai voltar, ou não?